Repro 2.0 TDI 110 CV

Responder
lo_diablo
Beginner
Beginner
Mensagens: 20
Registado: 03 jan 2008, 22:26

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por lo_diablo »

Pois, lendo o tópico dá ideia de que já alguém em PT chegou ao problema, vou rever isto a ver se falo com o membro.
Entretanto hoje fiz um teste, desativei o ESP. Não fez o corte. Pode ter sido coincidência. Mas se não for, já é um início lol
sflopes
Pro
Pro
Mensagens: 2324
Registado: 20 nov 2014, 19:40
Veículos: Golf v 2.0 tdi 140cv
Localização: Lisboa

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por sflopes »

Malvados dos carros que nos dão cabo da cabeça toda e da carteira.
lo_diablo
Beginner
Beginner
Mensagens: 20
Registado: 03 jan 2008, 22:26

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por lo_diablo »

Só um update, após falar com o reprogramador ele ficou de estudar a situação do sensor de inércia, a ver se pode fazer alguma coisa a esse respeito.
Colocou-se a possibilidade de ter algum defeito no sistema de ABS que esteja a dar valores em "excesso" para a centralina e ela corta por precaução. Problema é que no VAG-COM não acusa nada.

E o mais chato é que só cá na ilha ele já fez mais 5 com o motor do meu, nenhum tem este problema, só o meu. :(
cardeira
Amateur
Amateur
Mensagens: 242
Registado: 20 fev 2010, 21:49

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por cardeira »

Boas

Sempre ouvi falar desse problema após reprogramação

Será que alguem consegiu resolver?

Talvez so com o CR7 das centralinas lol
CarlosRainho
Pro
Pro
Mensagens: 1683
Registado: 26 ago 2009, 21:21
Veículos: Golf mk3 GTD, Golf mk6 2.0 TDI 110

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por CarlosRainho »

cardeira Escreveu: 19 nov 2021, 05:57 Boas

Sempre ouvi falar desse problema após reprogramação

Será que alguem consegiu resolver?

Talvez so com o CR7 das centralinas lol
O CR7 das Centralinas resolvia logo isso.. a carga era tanta que nem tinha tempo de entrar o corte.. Isso ou deitava a embreagem logo ao 2o arranque 🤣
Há quem tenha um carro, eu tenho um Golf :)
Avatar do Utilizador
smdp23
Pro
Pro
Mensagens: 2912
Registado: 27 set 2017, 09:57
Veículos: VW Golf Variant GTD DSG
Localização: Azeitão / Barreiro
Contacto:

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por smdp23 »

:lol: :lol: :lol: :lol:
Cumprimentos Sérgio Pinheiro

VW Golf Variant GTD DSG

StandConde Lda
CarlosRainho
Pro
Pro
Mensagens: 1683
Registado: 26 ago 2009, 21:21
Veículos: Golf mk3 GTD, Golf mk6 2.0 TDI 110

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por CarlosRainho »

Mario_Marques Escreveu: 22 mai 2019, 19:41
ajcosta1 Escreveu: 21 mai 2019, 16:49 tive um durante muito tempo reprogramado (por mim), usei mapas melhorados do GTD, possivelmente 180cv
O motor aguenta bem 170cv, o pior é mesmo a embraiagem que é muito fraca para essa potencia, o carro vibrava a 160km/h se carrega-se a fundo.

do que me lembro, o motor é exactamente igual ao de 140cv com a diferença da transmissao.
O teu problema com a embraiagem não é por causa da potência, o problema é inabilidade de conseguires fazer potência com o binário ideal controlado na altura certa/regime ideal, esse morre cedo como quase todos os diesel no geral, a solução sem alterar mecânica e embraiagem é controlar melhor o binário em baixas rpm e tentar explorar mais o motor em altas rpm, além de não queimar a embraiagem a durabilidade e conforto geral do carro também melhora bastante, obviamente não dá aquela sensação de puxar que muita gente gosta mas na pratica anda o mesmo ou até melhor por sofrer menos aquecimento e dá muito menos chatices a longo prazo.
Desculpa pele desenterranço do post, mas reparei que estou com o mesmo "problema" do ajcosta1, quando reprogramei o meu carro o Bimassa já cantava há muito, passados 3 mil km após a reprogramação começou a patinar embreagem, se calcasse uma 3a ali ás 2500 ele saltava umas 200 ou 300rpm e depois lá agarrava.. ainda andei a ver se arranjava um bimassa reforçado mas pelo jeito só para caixa de 6, optei por meter um kit completo Sachs stock, não patina mas lá acontece o mesmo que ao outro user, o carro vibra se calcar a fundo em 5a, seja a 120 ou 150.. será mesmo o bimassa ou alguma transmissão? Não sei bem o que pode mais ter estes sintomas.
Há quem tenha um carro, eu tenho um Golf :)
Avatar do Utilizador
Mario_Marques
Moderador
Moderador
Mensagens: 17140
Registado: 18 nov 2005, 01:12
Veículos: Demasiados veículos.
Localização: Porto/CH/DE/UK
Contacto:

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por Mario_Marques »

Não há milagres, se tens muito binário e uma grande resistência ao movimento algo vai ceder que vai ser onde estiver o ponto mais fraco, a resposta que coloquei em cima serve no geral para todos os carros, controlar o pé de forma a evitar esforço nos componentes em baixos regimes, usar a caixa para reduzir, fazer uma reprogramação com o binário controlado/limitado em baixos regimes
Não é a mesma coisa ter por ex 400Nm as 3400 ou ter as 2200Nm.
Se queres meter coisas reforçadas, o melhor mesmo é uma prensa com mais força, e um disco orgânico, que são os pontos mais fracos, geralmente a vibração não é nada mais nada menos que o disco que desliza entre a prensa e o volante, provoca sobreaquecimento, que por sua vez reduz ainda mais o atrito e distorce as superfícies, depois causa vibração, e a vibração+temperatura excessiva faz o bimassa ceder, não é a força que o estraga mas sim vibração e sobreaquecimento provocados pelo resto.
Imagem
Imagem
SUBA-WHO?

Participa no Concurso fotografia CGP :arrow: viewforum.php?f=70
CarlosRainho
Pro
Pro
Mensagens: 1683
Registado: 26 ago 2009, 21:21
Veículos: Golf mk3 GTD, Golf mk6 2.0 TDI 110

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por CarlosRainho »

Mario_Marques Escreveu: 22 nov 2021, 21:17 Não há milagres, se tens muito binário e uma grande resistência ao movimento algo vai ceder que vai ser onde estiver o ponto mais fraco, a resposta que coloquei em cima serve no geral para todos os carros, controlar o pé de forma a evitar esforço nos componentes em baixos regimes, usar a caixa para reduzir, fazer uma reprogramação com o binário controlado/limitado em baixos regimes
Não é a mesma coisa ter por ex 400Nm as 3400 ou ter as 2200Nm.
Se queres meter coisas reforçadas, o melhor mesmo é uma prensa com mais força, e um disco orgânico, que são os pontos mais fracos, geralmente a vibração não é nada mais nada menos que o disco que desliza entre a prensa e o volante, provoca sobreaquecimento, que por sua vez reduz ainda mais o atrito e distorce as superfícies, depois causa vibração, e a vibração+temperatura excessiva faz o bimassa ceder, não é a força que o estraga mas sim vibração e sobreaquecimento provocados pelo resto.
A minha curva de binário até é um tanto ou quanto larga, pelo menos a julgar pelo que tenho visto noutros carros, em que há um grande pico ali até ás 2300 e depois vai sempre a cair, no meu mantém-se mais ou menos consistente até ás 4mil rpm, ainda se limitou ali na entrada até ás 2mil, mas se calhar não chegou..

Uma pergunta que não sei se será idiota ou não mas, é possivel reforçar o material que tenho montado ou só comprando novo? O que lá está agora tem apenas 4 meses e 6mil km..
Imagem
Há quem tenha um carro, eu tenho um Golf :)
Avatar do Utilizador
Mario_Marques
Moderador
Moderador
Mensagens: 17140
Registado: 18 nov 2005, 01:12
Veículos: Demasiados veículos.
Localização: Porto/CH/DE/UK
Contacto:

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por Mario_Marques »

Para te dizer a verdade até está jeitoso, porém, a curva de binário entre as 1500 e as 2600+/-, eu +pessoalmente, para poder andar a conduzir descansado e sem cuidados, preferia baixar o binário daquela zona toda, é muita fruta muito cedo, se juntares a isso uma caixa longa+jantes grandes+reprises e poucos cuidados em baixas rpm, a embraiagem vai sofrer bastante.
Imagem
Imagem
SUBA-WHO?

Participa no Concurso fotografia CGP :arrow: viewforum.php?f=70
CarlosRainho
Pro
Pro
Mensagens: 1683
Registado: 26 ago 2009, 21:21
Veículos: Golf mk3 GTD, Golf mk6 2.0 TDI 110

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por CarlosRainho »

Mario_Marques Escreveu: 22 nov 2021, 23:13 Para te dizer a verdade até está jeitoso, porém, a curva de binário entre as 1500 e as 2600+/-, eu +pessoalmente, para poder andar a conduzir descansado e sem cuidados, preferia baixar o binário daquela zona toda, é muita fruta muito cedo, se juntares a isso uma caixa longa+jantes grandes+reprises e poucos cuidados em baixas rpm, a embraiagem vai sofrer bastante.
Por acaso as jantes ainda são as 16 de origem mas tenho umas BBS 18 para montar, a caixa sim é talvez a parte "melhor e pior", antes era longa demais porque não havia potência, agora é longa demais porque há potência e dá cabo do material, a minha 4a dá mais de 200, penso que uma caixa de 6 seria melhor escalonada e a embreagem seria maior também e aguentaria melhor o binário. Quanto a reprises, tento sempre baixar mudanças mal precise e baixas rpm nunca calco a fundo, mas por exemplo se for a 145kmh vou ali "apenas" ás 2400rpm, será que ainda se considera baixas rpm para calcar?
Entretanto já estive a ver o caso de reforçar o disco e a prensa mas ou não estou a ver no sitio correto ou só vi para embreagens monomassa.
Há quem tenha um carro, eu tenho um Golf :)
Avatar do Utilizador
Mario_Marques
Moderador
Moderador
Mensagens: 17140
Registado: 18 nov 2005, 01:12
Veículos: Demasiados veículos.
Localização: Porto/CH/DE/UK
Contacto:

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por Mario_Marques »

Carlos, é difícil estar-te a dizer para fazeres isto ou aquilo, pois esse tipo de coisas convém ter a certeza do que se está a dizer, coisa que no teu caso particular não tenho, e isso implica quem está a preparar o carro testar, ver o "esforço"(load), temperaturas, etc mas usando como referencia outros carros que conheço bem, posso dizer que tu as 2000rpm tens tanto binário como alguns 2.0 tdi 110 que preparei na altura com mais de 200cv, ou seja, para dia-dia quem quer andar mesmo sem qualquer tipo de cuidado, nunca tem a mesma fiabilidade que de origem, tu ali nas 2250 passas de 250Nm para uns 350Nm, no fundo até nem é um valor gigante, mas para a zona de rpm que é, e para quem não quer ter memso absolutamente nenhum cuidado especial já é um bocado grande.
Pessoalmente, isto é gosto pessoal que tem motivação económica/fiabilidade/estilo de condução pessoal, para mim, até as 2000/2500 quanto mais ligeiro de binário for o carro melhor, só é preciso ter aquele para o carro se mexer sem morrer, depois é esticar a rpm, não gosto de fazer muita manutenção aos carros e também não gosto de ter de me preocupar quando quero andar mesmo a partir, e isso não te vai interferir com a potencia máxima, seria só mesmo suavizar toda aquela area de baixas que só serve para andar no transito com calma e pouco mais, tu quando queres andar a sério andas acima das 3000rpm e se vires o teu carro faz a potencia máxima em torno das 3700.

Resumindo, isso parece estar bem bom, e na verdade nem parece nada abusado, mas para quem quer andar mesmo sossegado, sem qualquer tipo de cuidados de condução, ou andar mesmo "á cão", eu recomendava baixar aquela zona toda, e se possível esticar era mais no resto, pois vais usar menos tempo o resto, e ainda tem ai mais um pouquinho para dar, se estiver tudo 100% ainda tens margem para passar um pouco os 180cv, não sei se o teu é um CBDC / CLCA, mas consegue-se nesses.
Se não quiseres mexer no mapa e sim optar por embraiagem, o que te recomendo é o kit sachs performance, prensa, disco organico, renovar o bi-massa(vais ser obrigado, se meteres embraiagem nova sem renovar só vais ter 2 trabalhos e duas despesas), depois deixar a embraiagem acamar com a maior das calmas do mundo.
Imagem
Imagem
SUBA-WHO?

Participa no Concurso fotografia CGP :arrow: viewforum.php?f=70
CarlosRainho
Pro
Pro
Mensagens: 1683
Registado: 26 ago 2009, 21:21
Veículos: Golf mk3 GTD, Golf mk6 2.0 TDI 110

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por CarlosRainho »

Mario_Marques Escreveu: 24 nov 2021, 00:42 Carlos, é difícil estar-te a dizer para fazeres isto ou aquilo, pois esse tipo de coisas convém ter a certeza do que se está a dizer, coisa que no teu caso particular não tenho, e isso implica quem está a preparar o carro testar, ver o "esforço"(load), temperaturas, etc mas usando como referencia outros carros que conheço bem, posso dizer que tu as 2000rpm tens tanto binário como alguns 2.0 tdi 110 que preparei na altura com mais de 200cv, ou seja, para dia-dia quem quer andar mesmo sem qualquer tipo de cuidado, nunca tem a mesma fiabilidade que de origem, tu ali nas 2250 passas de 250Nm para uns 350Nm, no fundo até nem é um valor gigante, mas para a zona de rpm que é, e para quem não quer ter memso absolutamente nenhum cuidado especial já é um bocado grande.
Pessoalmente, isto é gosto pessoal que tem motivação económica/fiabilidade/estilo de condução pessoal, para mim, até as 2000/2500 quanto mais ligeiro de binário for o carro melhor, só é preciso ter aquele para o carro se mexer sem morrer, depois é esticar a rpm, não gosto de fazer muita manutenção aos carros e também não gosto de ter de me preocupar quando quero andar mesmo a partir, e isso não te vai interferir com a potencia máxima, seria só mesmo suavizar toda aquela area de baixas que só serve para andar no transito com calma e pouco mais, tu quando queres andar a sério andas acima das 3000rpm e se vires o teu carro faz a potencia máxima em torno das 3700.

Resumindo, isso parece estar bem bom, e na verdade nem parece nada abusado, mas para quem quer andar mesmo sossegado, sem qualquer tipo de cuidados de condução, ou andar mesmo "á cão", eu recomendava baixar aquela zona toda, e se possível esticar era mais no resto, pois vais usar menos tempo o resto, e ainda tem ai mais um pouquinho para dar, se estiver tudo 100% ainda tens margem para passar um pouco os 180cv, não sei se o teu é um CBDC / CLCA, mas consegue-se nesses.
Se não quiseres mexer no mapa e sim optar por embraiagem, o que te recomendo é o kit sachs performance, prensa, disco organico, renovar o bi-massa(vais ser obrigado, se meteres embraiagem nova sem renovar só vais ter 2 trabalhos e duas despesas), depois deixar a embraiagem acamar com a maior das calmas do mundo.
Mário, isto de ler coisas escritas por alguém que percebe das coisas e gosta do que faz realmente tem outro gosto :wink:
Eu gosto de dirigibilidade do carro, consegue ser calmo e gastar imensamente pouco ali até ás 2000 e poucas rpm,e se nos quisermos portar como um puto com 18 anos que tirou a carta na semana passada é subir rotação e aquilo dá gosto, não é um PD 4xx mas em relação ao que estava antes tá top e tem força até ao fim das RPM. Mas mesmo assim, o V40 1.6hdi da minha Maria parece responder melhor ali a baixas rotações, talvez pelo facto de eu ter uma caixa de 5 e ela de 6, mas claro, das 2500 para cima come o Volvo de cebolada :lol:
Eu tenho por norma uma condução bastante cuidada e descontraída, talvez por isso é que consiga fazer quase sempre mais de 1100km antes da reserva acender, mas de vez em quando lá leva uma sapatada que também merece :mrgreen:
O meu motor é um CBDC e a caixa é uma LLL, já tem é uns km, já vai a caminho do 390mil, mas para o que me parece ainda está direitinho. Tenho o carro há 5 anos e a maior despesa foi mesmo o kit de embreagem em Agosto deste ano, ainda andei a ver kit bimassa reforçado mas não vi nada, também não aprofundei a coisa. Perguntei aqui pela área a ver se alguém fazia o reforço, mas todos me disseram que só em monomassa, mas eu não queria fazer a conversão, acabei por colocar um Kit Sachs normal. Já ouvi dizer que volantes monomassa nestes carros não aprovavam bem, isto dito pelos preparadores da DarkSide, não falei com ninguem pessoalmente. Quando fizeste essas preparações nos 2.0 110cv que embreagem usaram?
Há quem tenha um carro, eu tenho um Golf :)
Avatar do Utilizador
Mario_Marques
Moderador
Moderador
Mensagens: 17140
Registado: 18 nov 2005, 01:12
Veículos: Demasiados veículos.
Localização: Porto/CH/DE/UK
Contacto:

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por Mario_Marques »

Uma coisa importante que não tinha lido com atenção, muito importante e que explica a tua queixa e que dá ainda mais sentido ao que disse de reduzir o binário, caixa de 5, portanto tens disco de 228mm, mesmo a Sachs performance que existe para o teu carro, só garante um aumento de 15%.
Se fosse a de 240 de algumas caixas de 6 aguentava muito mais.
Eu usei o que uso geralmente em carros de estrada, Sachs performance, aguenta mais um bocado, é durável e não tem todos os problemas típicos de uma reforçada "artesanal".
Nos carros mais potentes que preparei tinha caixa de 6 com 240mm ou DSG, apesar que a dsg, no caso de ser a dsg de 7 a seco é um belo cancro também, não se pode mesmo abusar no binário.
Dentro das 228mm, há umas mais fortes Sachs mas de outros motores, são teoricamente mais fortes, mas não te sei dar feedback pois essas nunca usei em diesel, só em gasolina.
Imagem
Imagem
SUBA-WHO?

Participa no Concurso fotografia CGP :arrow: viewforum.php?f=70
CarlosRainho
Pro
Pro
Mensagens: 1683
Registado: 26 ago 2009, 21:21
Veículos: Golf mk3 GTD, Golf mk6 2.0 TDI 110

Re: Repro 2.0 TDI 110 CV

Mensagem por CarlosRainho »

Mario_Marques Escreveu: 24 nov 2021, 22:20 Uma coisa importante que não tinha lido com atenção, muito importante e que explica a tua queixa e que dá ainda mais sentido ao que disse de reduzir o binário, caixa de 5, portanto tens disco de 228mm, mesmo a Sachs performance que existe para o teu carro, só garante um aumento de 15%.
Se fosse a de 240 de algumas caixas de 6 aguentava muito mais.
Eu usei o que uso geralmente em carros de estrada, Sachs performance, aguenta mais um bocado, é durável e não tem todos os problemas típicos de uma reforçada "artesanal".
Nos carros mais potentes que preparei tinha caixa de 6 com 240mm ou DSG, apesar que a dsg, no caso de ser a dsg de 7 a seco é um belo cancro também, não se pode mesmo abusar no binário.
Dentro das 228mm, há umas mais fortes Sachs mas de outros motores, são teoricamente mais fortes, mas não te sei dar feedback pois essas nunca usei em diesel, só em gasolina.
Será que esses 15% iriam resolver o problema do disco deslizar no volante?
Na altura que comprei o carro os 140cv eram ainda um bocado mais caros e os GTD então nem se fala, só não queria era o 1.6, fiquei com coisas boas, o motor, e coisas menos boas, a caixa.. Já ponderei meter caixa de 6 mas arranjar material não é fácil e o que aparece não é nada barato. Vi há tempos uma caixa "despida" por 700€, depois era arranjar transmissoes, motor de arranque, etc etc..
Acho que vou ter que ficar com as coisas como estão durante uns tempos, quando o material começar a dar de si tenho que resolver de uma vez por todas, e a gastar dinheiro se calhar preferia meter uma caixa de 6 com uma embreagem mais capaz.
Há quem tenha um carro, eu tenho um Golf :)
Responder